Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2007

A arquitectura moderna em Viana do Castelo, a habitação unifamilar (1950- 2006)

A arquitectura moderna em Viana do Castelo, a habitação plurifamiliar (1939- 2006)

Bloco Habitacional no Largo das Almas (2006)

O carácter objectual deste edifício é evidente apesar do conceito de cidade subjacente (o quarteirão) o pudesse, à partida, contrariar. Esta objectualidade/excepcionalidade num tecido urbano consolidado reside por um lado na sua escala e por outro na radicalidade e firmeza das opções tipológicas e formais. Sobre um embasamento revestido a placas de granito temos no 1º andar habitações de 1 só piso e sobre estes habitações em duplex. As galerias são a norte e a poente priveligiando a orientação solar das casas ou ,excepcionalmente, a nascente procurando, nesta situação, uma relação “normalizada” com uma rua movimentada na cidade
Projecto dos Arquitectos Alexandre Alves Costa e Sérgio Fernandez Ver mais em: AFONSO, João e VAZ MILHEIRO, Ana Habitar Portugal 2003/2005 ed. Ordem dos arquitectos, Lisboa, 2006. Link para Google Maps

Bairro do Liceu (1952)

A recusa de Le Corbusier à rua-corredor, dando à arquitectura, no que ela tem de artificial/domesticado, a oportunidade de se evidênciar por oposição ao espaço verde (natural/selvagem) foi abusivamente interpretada. Esse abuso tem (também em Portugal) repercursões desastrosas no ordenamento do território. O resultado, salvo excepções como este bairro,foi na disseminação de edificações sem que estas, simultaneamente, propusessem lugares para a vida colectiva (praças, ruas, largos...).Aqui, porém ,é visível um esforço no desenho de edifícios que sendo casas são também espaços para vivências partilhadas. É perceptível como o domínio da escala do desenho é decisivo para o qualidade do objecto que se propõe para habitar. O terreno ocupa o miolo de um grande quarteirão sensivelmente quadrangular. A rua de traçado curvo torna-se ela um elemento qualificador contrapondo-se ao ritmo marcado dos edifícios de planta rectangular.Projecto da autoria dos arquitectos da Caixa de PrevidênciaLink para…

Edifício de habitação e comércio (2001)

Projecto da Arquitecta Paula Santos.

Ver mais em:
Revista Arquitectura Ibérica nº16, 2004.

Link para Google Maps

Escola Superior de educação- 2ªfase

Projecto de Carlos Loureiro e Luis Pádua Ramos Link para Google Maps

Pousada da Juventude de Viana do Castelo (1996)

Projecto do Arquitecto João Luis Carrilho da Graça.

Ver mais em:

ALBIERO, Roberta e SIMONE, Rita João Luis Carrilho da Graça opere e progetti Electa, Milano, 2003.

Link para Google Maps

Escola Secundária Pluricurricular de Santa Maria Maior (1940)

O Liceu de Viana do Castelo está integrado num plano alargado denominado em 1948 por "ante-plano geral de urbanização de Viana do Castelo" e cuja autoria é do Arquitecto João Aguiar.
O Liceu implanta-se num jardim murado e de planta rectangular. É composto por um corpo principal por onde se acede axialmente percorrendo o jardim.
Neste corpo, de dois pisos, estão distribuídos os espaços comuns do liceu: a biblioteca, os laboratórios, a secretaria, o museu e um auditório.
A este corpo de sentido nascente-poente saem dos estremos duas alas referentes a cada um dos sexos. Cada uma com um espaço de recreio coberto.
Desenvolve-se ainda, para trás, uma terceira ala do ginásio e o refeitório.

Projecto do Arquitecto Januário Godinho



Link para Google Maps

Residência de estudantes do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (1990)

Projecto de Cláudia Albino e João Paulo Cardielos.
Link para Google Maps