Avançar para o conteúdo principal

Casa do Dr. Ribeiro da Silva (1954)


Em 1954, Arménio Losa e Cassiano Barbosa, projectam esta casa, hoje sede da APPACDM.
Numa zona já periférica em relação ao centro histórico e numa via de traçado curvo entretanto aberta para a instalação da linha de caminho-de-ferro.
A casa, também de fachada curva, ocupa um lote relativamente largo tirando partido disso para desenhar um alçado declaradamente moderno, compondo-se por panos tranparentes e opacos nem sempre no mesmo plano, verticais e horizontais, usando a cor, as sombras e texturas enquanto valores essencialmente plásticos.
O alçado virado a sul é composto por 4 faixas horizontais: um embasamento em granito, um referente ao rés-do-chão com grandes janelas horizontais, no 1º piso uma parede perfurada por janelas emolduradas e uma cornija de remate. Sistema já utilizado pelos mesmo autores na Rua da Constituição no Porto.
A articulação do programa tira partido da exposição solar e da forma do terreno, virando as àreas de serviço (cozinha, lavandaria, escadas) para a rua e as salas para o jardim.
O postigo disfarçado ao lado da porta de entrada funciona como dispositivo de alerta e permite ver sem ser visto quem está fora junto à porta de entrada.
Link para Google Maps

Comentários

Pedro Varela disse…
Ai Losa... k clareza.

Mensagens populares deste blogue

Torre do Liceu em Viana do Castelo (1982)

O projecto desta torre de 14 andares para comércio, escritórios e habitação é da autoria do Arq. José Pulido Valente. A corrente brutalista, um dos ramos do movimento moderno e na qual insiro esta obra, explora a clareza dos volumes, a expressão própria dos materias utilizados e a concisão na abordagem dos pormenores. Link para Google Maps

Casa de Ruben A. (1948)

Ver mapa maior
Projecto do Arquitecto João Andresen Link para Google Maps.

Jardim de Infância de Santiago da Barra

Projecto do arquitecto Henrique de Carvalho.

Ver mais em:

Revista Arquitectura Ibérica nº6, Janeiro 2006.

Link para Google Maps